Sinto boas energias....

MOSTRA PARANAENSE DE TEATRO

33ª FESTIVAL DE TEATRO DE CASCAVEL

MOSTRA PARANAENSE DE TEATRO

ESPETÁCULO: “EU SE ERREI” – TANTA PRODUÇÕES – CURITIBA

Dia – 06 de outubro
Sessão às 20h
Local: Teatro Municipal Sefrin Filho
Classificação: Livre

Em “Eu se errei”, o ator e diretor Rafael Camargo interpreta contos de Jamil Snege, “o turco”, escritor e publicitário morto em 2005. Jamil Snege foi um escritor e publicitário paranaense. Por volta dos 16 anos, começou a frequentar os eventos da sociedade curitibana e a escrever em colunas sociais de jornais locais. Aos 18, após retornar de uma temporada no Rio de Janeiro, o “Turco” já era conhecido e respeitado nas rodas intelectuais que se formavam na região da Boca Maldita e que também eram frequentadas por Dalton Trevisan. Destacou-se na publicidade pela ousadia e irreverência na criação de campanhas comerciais, políticas e educativas de grande êxito. No campo literário, além da reconhecida qualidade de sua obra ficcional, notabilizou-se por recusar sistematicamente as propostas recebidas de grandes editoras, optando por financiar com recursos próprios a publicação de seus livros. Vestindo um pijamão, Rafael Camargo, sobre uma cama de molas sem colchão, ele consegue fazer ver as imagens criadas literariamente por Snege. Passa pela Catedral, a Graciosa, a Boca Maldita. E como é bom conhecer um texto pela via do teatro!

ESPETÁCULO: “MENESTREL” CONTA A IMIGRAÇÃO DO PARANÁ – CIA KARAGOWZK – PARCERIA SESI

Dia – 07 de outubro
Sessão às 16h
Local: Centro Cultural Gilberto Mayer
Classificação: Livre

No centro do palco uma grande, bonita e misteriosa carroça ocupa a cena, que se inicia com um ar de mistério e música. Surge o Menestrel que logo conhece a personagem Esmeralda. Eles são contadores de histórias e descobrem que aquela bela carroça é fantástica. Menestrel e Esmeralda caem dentro do livro e passam a viajar na história da imigração do Paraná. Eles vivem uma verdadeira aventura! A tela da carroça leva o público aos anos de 1875, Porto de Paranaguá, onde chegaram os primeiros imigrantes vindos de navio.

ESPETÁCULO: “FICÇÕES DO INTERLÚDIO” – LUCAS FIORINDO – MARINGÁ

Dia – 09 de outubro
Sessão às 20h
Local: Centro Cultural Gilberto Mayer
Classificação: Livre

“Ficções do Interlúdio” é o primeiro trabalho da parceria artística entre Tânia Farias (Porto Alegre/RS) e Lucas Fiorindo (Maringá/PR).
Tânia Farias é atuadora da Tribo de Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz (Porto Alegre/RS) desde 1994, grupo em que desempenha várias funções do fazer teatral. Recebeu o Prêmio Açorianos por sua atuação em O Amargo Santo da Purificação (2009) e em Medeia Vozes (2013).
Lucas Fiorindo é ator e livre-pesquisador. Ativo no teatro maringaense desde 2010, passou por grupos como o TUM – Teatro Universitário de Maringá e o Circo Teatro sem Lona. Atualmente se dedica à pesquisa do trabalho do ator e da transposição da poesia para o teatro.

ESPETÁCULO: “VOVÓ.COM” – SDS CIA. TEATRAL – FOZ DO IGUAÇU

Dia – 10 de outubro
Sessão às 20h
Local: Centro Cultural Gilberto Mayer
Classificação: Livre

Formada em fevereiro de 2006, a SDS Companhia Teatral mantém um repertório de espetáculos semestrais e se dedica à pesquisa, teórica e prática, das Artes Cênicas. A companhia é dirigida pela bacharela em Artes Cênicas (PUC) Sandra Schiavini e possui atualmente quatorze integrantes. Desde a sua fundação, mantém um trabalho estável e ininterrupto e se apresenta na cidade de Foz do Iguaçu, região e outros estados.
O acesso ao mundo tecnológico a cada dia se torna mais fácil para qualquer pessoa, dona Graça não perde tempo e fica antenada a tudo que acontece através da internet. O espetáculo procura contar as peripécias de uma vovó moderna neste mundo online. Uma vovó argentina no Brasil onde seu principal contato com o mundo acontece através do celular ou do computador por onde grava seus vídeos para seu canal no Youtube. Sem dúvida, esta vovó, irá lembrar o público de várias situações vividas. O projeto do espetáculo começou como uma simples homenagem para os avós do autor, porém com o tempo e escutando novas histórias do público, o espetáculo cresceu e se transformou em um cômico monólogo de aproximadamente cinquenta minutos de duração, para todo o público.

ESPETÁCULO: “IN CONCERTINA” – TIAGO MARQUES/ PALHAÇO RITALINO – LONDRINA

Dia – 11 de outubro
Sessão às 20h
Local: Centro Cultural Gilberto Mayer
Classificação: Livre

TIAGO MARQUES é ator, palhaço, pesquisador, orientador de atores e diretor , e entrou para o LUME em 1988, ajudando a constituir o grupo enquanto núcleo de pesquisa ao lado de Luís Otávio Burnier e Carlos Simioni. Entre 1988 e 1995
orientado por Burnier, desenvolveu pesquisas nas áreas da “Antropologia Teatral e Cultura Brasileira”, elaborando técnicas corpóreas e vocais de representação e técnicas de palhaço; e da “Dança Pessoal”, na busca de uma
técnica corpórea e vocal pessoal de representação.
No espetáculo, o palhaço Ritalino, munido de sua concertina musical realizará um concerto. Como as coisas não saem como o esperado, Ritalino inicia uma saga para vencer os obstáculos que surgem. O palhaço vive uma batalha que envolve partituras e bombas, melodia e marreta, o trágico e o cômico. Mesmo com a aparente falta de sorte, o palhaço realiza um concerto emocionante, levando a plateia ao riso e ao onírico. In Concertina trata da metamorfose… do efêmero. Daquilo que é extremamente delicado, mas que antagonicamente traz uma força extraordinária. E, como tudo no mundo e na vida, finda… Talvez, mais cedo do que gostaríamos de imaginar.

ESPETÁCULO: “O TERMINAL DO CANGAÇO” – GRUPO VIXE / CASA DA CULTURA ZONA NORTE – PROGRAMA CULTURA EM AÇÃO

Dia – 12 de outubro
Sessão às 20h
Local: Centro Cultural Gilberto Mayer
Classificação: Livre

O espetáculo O Terminal do Cangaço relata a história ainda não contada de Maria Bonita e Lampião, o casal mais conhecido do Nordeste. Toda narração se passa em um terminal rodoviário onde os personagens relembram diversas situações que já passaram na vida, por vezes constrangedoras, outras engraçadas e até emocionantes. Na trama, eles são cobaias de alguns testes químicos de um cientista maluco que está pesquisando como as pessoas se apaixonam e quão duradouro é o amor.

ESPETÁCULO: “AUTO DAS SETE ESSÊNCIAS” – CIA CÊNICA CASCAVEL – PROGRAMA CULTURA EM AÇÃO

Dia -13 de outubro
Sessão às 20h
Local: Teatro Municipal Sefrin Filho
Classificação: 16 anos

Em um universo utópico, sete personagens arquétipos, lançados à vida por um Criador sádico, participam de um reality show em busca de um sonho. No caminho eles se deparam com vários imprevistos, como a corrupção, a dor, o desencontro, a falta de sentido. Mas ao final do jogo o que resta dessas essências? Nesse reality show da vida, comandado por Gadu, os sete personagens irão encontrar o destino deles, e você irá encontrar o seu.

INGRESSOS E PARTICIPAÇÃO NAS OFICINAS

A Secretaria Municipal de Cultura e Esportes (Secesp) vem ao longo desta gestão oportunizando e facilitando o acesso de toda a população à cultura e às artes oferecidas em seus eventos, espaços e atividades.

Para participar das oficinas e prestigiar os espetáculos do 33º Festival de Teatro de Cascavel no Teatro Municipal Sefrin Filho e no Centro Cultural Gilberto Mayer a Secesp sugere a doação de 1kg de alimento não perecível (não obrigatória) que será destinado às famílias previamente cadastradas no PROVOPAR Cascavel.

REALIZAÇÃO

O 33º Festival de Teatro de Cascavel é realizado pelo Governo Municipal, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Esportes de Cascavel em parceria com a Setorial de Artes Cênicas do Conselho Municipal Políticas Culturais de Cascavel e Sesi Cascavel, com apoio da Sanepar.

Acesse também:

MOSTRA INFANTIL DE TEATRO

MOSTRA COMUNITÁRIA DE TEATRO / TEATRO DE RUA